Uma boa refeição compara-se a um prazeroso ritual, com apreciação de um menu completo: entrada, prato principal e sobremesa. Bem planejado, valoriza cada ator do cardápio e permite que sua degustação ocorra em harmonia com todos os elementos de cada preparo. O chef Gérson Bem, que comanda o Gérson Bem Gastronomia desde 2005, apresenta uma sugestão de menu completo que você pode experimentar fazer em casa. Aproveite, também, para experimentar os rótulos da Cooperativa Vinícola Garibaldi sugeridos para harmonizar com cada prato do menu.

 

Entrada

O Chefe Gérson Bem traz uma receita de entrada leve: Mix de Folhas, combinando o verde de saladas tradicionais com a refrescância de frutas tropicais na composição.

 

Os ingredientes são:

1 maço de rúcula

1 alface americana

1 radicci

100 gr de camarão

1 manga

6 unidades de morango

 

Modo de preparo: O preparo é bem simples, basta lavar bem as folhas e rasgar as maiores com mão mesmo. As frutas vão picadas, em cubos, junto com o camarão, no bafo ou cozidos com água e sal. O tempero é a gosto: sal e um pouco de suc o limão são boas opções.

 

Para beber: A dica é apreciar a entrada com um lançamento: o vinho Garibaldi Pinot Noir Rosé. De coloração rosa delicado, o vinho apresenta aspecto límpido e brilhante e tem boa intensidade aromática, com notas de morango, framboesa e cereja, além de um sutil toque floral. Em boca, é macio com bom frescor e retrogosto intenso. Para extrair o máximo potencial desse vinho, a bebida deve ser servida numa temperatura entre 4°C e 6°C e sua harmonização é indicada para entradas, canapés, saladas, peixes, frutos do mar e cozinha oriental.

 

Principal

Vinhos combinam super bem com gastronomia – seja na taça, acompanhando os pratos, ou como item de preparo das receitas! Nessa receita do chefe Gérson Bem, o vinho é personagem principal do molho que acompanha um medalhão de Filé Mignon. No prato principal dessa receira inspiração a carne é serviada ao lado de um Spaguetti ao Pesto, numa combinação perfeita de sabores e texturas. Veja o que você vai precisar:

 

Para o medalhão com molho de vinho

1 medalhão de Filé Mignon

250ml de vinho tinto seco

2 ramos de tomilho

1 folha de louro

30gr de amido de milho

Sal a gosto

 

Modo de preparo do molho: Coloque o vinho numa panela, leve ao fogo e deixe evaporar. Coloque o tomilho e o louro. Dissolva o amido em um pouco de agua. Incorpore ao vinho deixe ferver por 3 minutos. Acerte o sal.

 

Modo de preparo do filé: basta temperar com sal e grelhar no ponto de sua preferência. Depois, é só cobrir com o molho.

 

Para o Spaguetti ao Pesto

200gr Spaguetti Grano Duro

100ml de azeite de oliva

20gr de manjericão

30gr de nozes

30gr de queijo parmesão

 

Modo de preparo: Primeiro, cozinhe o spaguetti. No liquidificador, coloque os ingredientes do molho e bata tudo junto. Assim que a massa estiver ao dente, escorra, incorpore o molho e sirva.

 

Para beber: a dica é seguir na família dos tintos. Veja três sugestões de rótulos:

• Vinho Garibaldi Cabernet Sauvignon Reserva: de coloração vermelho rubi, tem aromas de frutas vermelhas, com notas de mirtilo, framboesa e um toque de especiarias. Elaborado no método tradicional de vinificação e maturado em barricas de carvalho por 8 meses e perfeita harmonização com carnes vermelhas, massas e risotos com molhos estruturados.

 

• Vinho Garibaldi Merlot Reserva: de coloração vermelho rubi intenso, tem aromas com notas de frutas vermelhas, manteiga e um toque de chocolate. Também produzido em método tradicional de vinificação, porém com 6 meses de maturação em barricas de carvalho francês. Harmoniza com carnes vermelhas e carnes de caça.

 

• Vinho Garibaldi Reserva - Edição especial 90 anos: elaborado para comemorar o aniversário da Cooperativa Vinícola Garibaldi, combina as variedade Tannat, Merlot, Ancelota e Marselan. Produzido a partir de colheita manual, traz em sua composição a seleção de cachos especiais do vinhedo. De coloração vermelho rubi intensa e profunda, tem aromas complexos com notas de frutas negras maduras, café, tostado e leve mentolado. Também é excelente combinação com carnes vermelhas, carnes de caça, queijos duros, massas e risotos com molhos estruturados.

 

Sobremesa

Presenteie o paladar com uma sobremesa caprichada: na Serra gaúcha, o sagu é um prato carregado de valor cultural e muitas vezes sentimental, que pode receber variações que tornam sua degustação uma experiência totalmente nova. A dica do chefe Gérson Bem é o Sagu de Prosseco com Framboesa, uma releitura do clássico. Veja os ingredientes:

 

1 garrafa de prosseco

100gr de sagu

100gr de framboesa

50gr de açúcar

 

Modo de preparo

Coloque o espumante em uma panela, deixe ferver e evaporar um pouco do álcool. Logo após, acrescente o açúcar e o sagu. Quando o sagu estiver quase pronto, acrescente as amoras e termine o cozimento do sagu. Desligue, deixe amornar e sirva na sequência.

 

Para beber: Para a harmonização, a dica é repetir a degustação do vinho Garibaldi Pinot Noir Rosé.

Quer saber mais
sobre vinhos?
Cadastre-se para receber conteúdo exclusivo

Deixe o seu comentário sobre a postagem:

Nome Completo:
E-mail:
Cidade / UF:
Comentário: